Minha lista de blogs

  • O Jardim das Aflições - O filme, O JARDIM DAS AFLIÇÕES, do brilhante OLAVO DE CARVALHO, é um filme excelente, que eu gostei muito. Confesso que cheguei a me emocionar, no iníci...
    Há 27 minutos

domingo, 7 de setembro de 2014

Marina Silva precisa esclarecer tudo! Não basta se fazer de vítima, já que se diz da "nova política" fale e defenda-se

Marina Silva precisa explicar tudo!

Marina Silva precisa  falar dos deslizes de Eduardo Campos

Marina Silva precisa explicar tudo!



Pera ai Marina Silva! Pra quem se diz da "nova política" tem que saber que uma nova política seria algo bem claro, sem jogar nada pra debaixo do tapete ou tentar se fazer de vítima como temos visto os políticos fazerem nos últimos anos. Sendo assim, queremos vê-la explicar-se junto com o PSB sobre o jatinho e todas as "ilações" envolvendo o nome de Eduardo Campos aos escândalos da Petrobrás e o doleiro Yossef? Se fazer de vítima não vai colar. 

Até porque quem se diz com vigor, coragem e pronta pra governar um país, se mostrando contra ao atual governo que ai está, jamais deverá imitá-lo. Ou seja, tem que assumir o debate e se preciso as culpas! O homem-bomba falou. Paulo Roberto Costa, o importante ex-diretor da Petrobras, aceitou a delação premiada e começou a colocar a boca no trombone, citando vários nomes de envolvidos no enorme esquema de corrupção montado por uma organização criminosa dentro da maior empresa do país, transformando a “nossa” estatal em propriedade particular da máfia. Entre os nomes citados, Eduardo Campos. E ai, vai ficar sem esclarecimentos? Essa história de "matá-lo duas vezes" não convence! Pois se ele é inocente, tem direito aos parentes, amigos e aliados em defendê-lo, mas, não apenas blindá-lo e torná-lo em simples vítima! Pois sabemos que antes de ele morrer, já tinham suspeitas do envolvimento dele e de seu partido nos esquemas do doleiro e na Petrobrás!

Para quem tivesse olhos para enxergar, Eduardo Campos não tinha exatamente o perfil de santo. A começar, claro, por sua inclinação à esquerda radical, sendo ele neto do comunista Miguel Arraes, tendo ajudado a fundar um partido socialista que ingressou no Foro de São Paulo ao lado de ditadores e do próprio PT. Desconheço heróis socialistas na história. A turma do PT, que foi aliada de Campos por bastante tempo, tinha algum motivo para desconfiar de sua honestidade. Afinal, quatro agentes da Abin foram presos em Pernambuco quando espionavam o ex-governador. Eles atuavam disfarçados no Porto de Suape para tentar levantar seus podres. Ou seja, certamente esperavam encontrar algo, o que demonstra o abuso autoritário que o PT faz da máquina estatal, mas também a desconfiança que o partido tinha do ex-aliado.

Enfim, sem provas, devemos sempre manter a máxima in dubio pro reo. Todos são inocentes até que provem o contrário. Marina Silva está certa ao pedir mais investigações, cautela, e lembrar que o acusado não está aqui para se defender. Mas nada disso tira a nuvem de dúvida que paira no ar. O ex-diretor da Petrobras está dando nomes, e todos têm em comum uma coisa: negam. Mas, negar, mostrar repúdio, dizer que é golpe, ilação ou mentira, não faz voltar os dez bilhões lavados da estatal. Então é preciso que cada um limpe seu nome (se puderem) e virem o jogo contra o delator, mas, ficar se fazendo de vítima ou de blindados, não dá mais! Havia, ainda, suspeitas sobre sua participação em outros escândalos mais antigos. Foi secretário da Fazenda de Pernambuco e acusado de forjar documentos para a emissão de títulos durante a gestão de seu avô, Miguel Arraes, no governo. Foi inocentado, é verdade, mas até Collor foi inocentado de várias acusações.

Quando olhamos a lista dos políticos delatados, temos boas razões para crer que o ex-diretor está dizendo a verdade. Alguém acha que Renan Calheiros, Edison Lobão, João Vaccari Neto, Henrique Eduardo Alves, Romero Jucá, Cândido Vaccarezza, Sergio Cabral e Roseana Sarney são exemplos de reputação ilibada e acima de qualquer suspeita? Logo, a presença de Eduardo Campos no grupo serve para jogar uma ducha de água fria naqueles que embarcaram na ilusão que, após sua trágica morte, construiu um mito. Como diz o ditado: se non è vero, è ben trovato. Não vejo motivos para duvidar da delação premiada do réu que, ninguém pode negar, conhecia a fundo a podridão instalada no coração da Petrobras. O Brasil terá de procurar um herói nacional em outro lugar… A absolvição pela Justiça livrou Eduardo Campos do problema penal. Mas ele não conseguiu a mesma certidão de “nada consta” em outro julgamento, de natureza administrativa. A revista ÉPOCA teve acesso a documentos inéditos que revelaram que, cinco anos depois da decisão do STF, Eduardo Campos e dois ex-diretores do Banco do Estado de Pernambuco (Bandepe), o antigo banco público de Pernambuco, voltaram a ser julgados pelo Escândalo dos Precatórios. E, desta vez, condenados.

Cabe, sim, ao PT, ao PSDB e a outros chamar a atenção para o que está malparado no programa do PSB, especialmente porque, é evidente, Marina pode ser a presidente da República. Segundo as pesquisas, se a eleição ocorresse amanhã, a eleita seria ela. Assim, nada mais urgente e relevante do que abordar esses temas. O debate político é uma obrigação e uma necessidade. A ação contra Marina do corporativismo dos sindicalistas de estatais e dos esquerdistas chapas-brancas não passa de pistolagem política. No momento, seu alvo é Marina. Seria qualquer outro que disputasse a eleição com um petista. Essa gente toda, de algum modo, está mamando nas tetas do dinheiro público e tem medo de perder privilégios. Porém mesmo sabendo que essas são práticas sujas de militantes do PT e do atual governo pra derrubar Marina, ela precisa falar e esclarecer todas as dúvidas que pairam sobre Eduardo Campos, o PSB, o jatinho e suas consultorias. Como também o que foi questionado pela campanha de Dilma que é a tal prestação de contas e pagamento de impostos sobre sua renda.

Enfim o povo brasileiro que não vota em Marina e mesmo os que se iludem achando que Marina Silva é renovação ou que deixou de ser petista só porque não está mais no PT, querem saber com clareza, sinceridade e dados corretos as respostas pra todas essas questões. Pois quem se diz representante de uma nova política, não pode adotar estratégias antigas como se fazer de vítima, pra não explicar nada!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Pesquisar este blog

Seguidores

Google+ Seguidores

Google+ Badge